Diário de Teresina - Informação com qualidade! Diário de Teresina - Informação com qualidade!

Utopia FM - Diário de Teresina - Informação com qualidade!

Altos empata no fim e respira na Série D

O time da casa sair com uma grande vitória em jogo  que perdeu diversas oportunidade  de matar o jogo


Altos empata no fim e respira na Série D

 

Foto Luis Junior 

 

O jogo na cidade de Altos tinha tudo para o time da casa sair com uma grande vitória em jogo  que perdeu diversas oportunidade  de matar o jogo,  o Jacaré não passou do empate por 2 a 2 diante do Santos, do Amapá, na noite ontem segunda-feira (10), no Estádio Felipão, que acabou sendo um bom resultado visto que o time perdia por 2 a 1 até 49ª do segundo tempo quando o Altos conseguiu o gol. Ainda teve o apagão nas luzes no estádio , que parou o jogo por 20 minutos que esfriou o time local e a falha do goleiro Dida nos gols do time amapaense.

 

No próximo domingo, no Estádio Zerão, em Macapá, quem vencer prossegue na competição. O empate sem gols ou por 1 a 1 classificará o Santos; 2 a 2 levará a decisão para os tiros livres da marca do pênalti; e empate de 3 a 3 em diante dará a vaga ao campeão piauiense.

Os quatro gols só aconteceram na fase complementar. Joelson abriu o placar. Poucos minutos depois, uma bola que bateu na fiação afetou o sistema de iluminação e o Felipe Raulino ficou às escuras. Na volta do apagão, o Santos marcou dois gols e virou para 2 a 1. Altos foi em busca do empate, perdeu boas oportunidades, mas acabou marcando aos 49 minutos, através de Alex Mineiro.

FICHA DO JOGO

ALTOS 2 x 2 SANTOS-AP 

Campeonato Brasileiro de Futebol 2017 - Série D - 2ª fase ; Data: 10/07/2017 (segunda-feira à noite); Local: Estádio Felipe Raulino (Altos - PI); Arbitragem: Mayron Frederico dos Reis Novais, auxiliado por Antônio Fernando de Sousa Santos e Carlos André Pereira Sousa (todos do Maranhão).


Gols: Joelson 10, Bruno Ribeiro (falta) 27, Fabinho 30 e Alex Mineiro 49 do 2° tempo.

Cartões amarelos: Balão Marabá, Lauri (SAN).

 

Altos - Dida; Dos Santos, Vitor Bafana, Marcelo e Jefferson Abreu; Marconi, Vagner e Esquerdinha; Eduardo, Manoel e Jobson. Técnico :Paulinho Kobayashi.

 

Santos (AP) - Axel; Lauri, Diney, Jefferson e Batata (Bruno Ribeiro); Lessandro, Balão Marabá, Rafinha e Bibinha (Fabinho); Jean e Bruno Souza (Lucas). Técnico: Edson  Porto.

 

Conteúdo relacionado